domingo, 20 de maio de 2018

Por que Você Respondeu ao Meu Chamado?



Eu já estava me conformando em ser ignorada depois de ter sido bloqueada por você duas vezes. No entanto, agora dói mais, muito mais. Você me deu esperança e, em seguida, arrancou-a de mim de uma forma tão brusca.

Se eu tenho a capacidade de pensar, também me dou o direito e até o dever de realizar. Não duvido de nada nesse mundo apenas por ceticismo. Faço questionamentos e sempre deixo a possibilidade de acontecer em aberto.

Como posso te explicar? Há tantas coisas inexplicadas ainda. Eu me tornei uma cientista das emoções não por que tenho todas as respostas e sim por que acredito nas perguntas. Se Deus é amor, então este sentimento é um dos grandes mistérios do universo. Só podemos identificar os efeitos, não podemos contextualizar a causa!

Talvez eu realmente esteja exigindo demais de você. Ou, talvez, eu esteja apenas pedindo uma oportunidade..

Você não pode abrir a porta, me convidar pra entrar, dizer muitas coisas e esperar que eu me cale, que eu não me preocupe e somente aguarde você me mandar embora outra vez.

Sua falta de sensibilidade naquele momento ainda me machuca.

Queria não pensar em você, entretanto, quanto mais eu tento, mais este sentimento me domina.

Os poetas escrevem sobre o amor, eles nos avisam quanta dor ele nos impõe, porém, temos todos os nossos sentidos fechados para esses alertas. Uma vez que ele chega, nunca mais somos os mesmos.

Sinto saudade!

Saudade do que nunca tive, saudade do que nunca idealizei, saudade daquilo que nunca fantasiei.

Jamais me iludi com uma relação perfeita ou imaginei um ser humano sem defeitos. Eu só abri meu coração e esperei que você abrisse o seu. Quem sabe um bate papo num café virtual sem compromisso, sem promessas..

Todavia, na sala de chat, pra onde quer que eu olhava, nada via, só enxergava escuridão. Não sei se eu estava cega de amor, não consegui te alcançar.

De qualquer forma, se eu estiver errada e ainda houver luz dentro de você, larga tudo e vem. Pois não sei mentir, vou te dizer adeus e, pra não sofrer vou te afastar, no entanto, sempre vou estar te esperando de braços abertos. Por que o amor deixa ir, mas também deixa voltar!

A Guria Dourada
Postar um comentário