Páginas

sexta-feira, 27 de julho de 2012

SEXTANIMAL - ONG criada por Policial da esperança a animais abandonados em Patos


Aninha, Bob, Mel, Nina, Lupyta, Raquely . Esses não são nomes de protagonistas de novelas da Globo, muito menos de membros de redes sociais. São nomes, carinhosamente dados a cães e gatos que foram abrigados e fazem parte de uma ONG em Patos

O Lar Do Cachorro Abandonado, como está sendo chamado, localizado no Bairro Novo Horizonte, foi criado pelo Policial Militar João Carlos Patrian de 32 anos, que coleta e cuida de animais abandonados nas ruas, que sofreram maus tratos ou atropelamentos.

De acordo com Patrian, a ONG foi criada há aproximadamente seis anos e hoje abriga 18 cães: “Quando criamos o canil, sentimos com apenas três meses a necessidade de aumentar já que o espaço tinha ficado pequeno e estávamos com 43 animais. Além disso, os vizinhos fizeram um abaixo-assinado para saíssemos, pois diziam que o barulho incomodava”, explica.

O processo de adoção exige responsabilidade, além de ter altos gastos. Segundo o policial, mensalmente ele gasta com os animais cerca de R$ 1.100,00: “Só o aluguel do galpão para abriga-los custa R$ 200,00. Além de ração, medicamentos, etc. Quase todo o meu salário é investido com eles, mas não me arrependo, faço com muito amor”, declarou.

Patrian pretende ampliar o canil, para que possa receber mais animais. Para isso, pede a ajuda de entidades  para expandir o seu projeto: “Hoje temos um grande problema que são os animais abandonados nas ruas de Patos. Já dei o primeiro passo que foi criar a ONG, agora pretendo, com o apoio das pessoas, continuar essa caminhada”, desabafou.

Quem tiver vontade de levar um cãozinho para casa, é só ir até a ONG e escolher o seu, que segundo Patrian, já sai de lá pronto para receber amor e carinho: “Quando eles chegam aqui muitos estão machucados, com carrapatos ou algum problema. Antes de colocar para doação, levamos ao Hospital Veterinário, onde passam por cirurgia, no caso das cadelas, recebem medicação, vacinação, são vermifugados e ai sim estão prontos para o novo dono”, explicou.

Para adotar um dos cães ou gatos do Lar do Cachorro Abandonado, o candidato preenche uma ficha cadastral com seus dados, escolhe seu novo amiguinho e o leva para casa: “A única exigência é que vão cuidar bem, sem maltratar, com muito amor, pois se for para maltratar prefiro que fiquem aqui mesmo que não falta amor e carinho para eles”, finalizou.
Quem tiver interesse em adotar um animalzinho ou fazer alguma doação para a ONG, é só entrar em contato com Patrian através do telefone (83) 9664-5795 ou procura-lo no 3º Batalhão de Polícia Militar de Patos.


Postar um comentário