Páginas

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Ator Dado Dolabella é condenado a quase três anos de prisão no RJ

Fonte: Artigo
O Tribunal de Justiça confirmou a condenação, em primeira instância, de Dado Dolabella a dois anos e nove meses de prisão em regime aberto pela agressão a Luana Piovani, sua ex-namorada, e à camareira de teatro Esmê Souza, em 2008, segundo a coluna de Ancelmo Gois do jornal "O Globo".

O advogado do ator, Michel Assef Filho, ainda deve recorrer da decisão, tomada em primeira instância. O advogado de Luana, Marcelo Salomão, explicou à publicação que a Lei Maria da Penha foi aplicada, apesar da atriz e o ex não serem casados.

CASO
O ator foi indiciado pela Deam (Delegacia de Atendimento à Mulher) por lesão corporal leve por ter agredido a ex-noiva Luana Piovani, na boate 00, há dois anos. O indiciamento foi feito com base na Lei Maria da Penha. O laudo atestava que a atriz teve uma escoriação no dorso da mão direita, medindo três por três milímetros e uma mancha causada por uma pancada no braço esquerdo.

As imagens do circuito de câmeras da boate desmentiram a versão do ator, que havia negado a agressão. A gravação também comprova que Dado empurrou a camareira Esmeralda de Souza Honório, 62, pelo braço, quando ela tentou intervir.

Postar um comentário

Follow My Spotify Playlist!